COMO A PROCEDÊNCIA DO GRAFITE PODE INFLUENCIAR O SEU PRODUTO?

Procedência Alemã

Como já abordamos em publicações anteriores, duas das grandes vantagens de se trabalhar com blocos de grafites são a rapidez para usinar e a possibilidade de realizar geometrias complexas (veja aqui o post completo sobre as vantagens do grafite – GRAFITE vs COBRE – TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER ). Isso só é possível devido à alta resistência que o material possui quando comparado a outros materiais como o cobre.

Mas você sabia que a qualidade do grafite pode variar de acordo com a sua origem de fabricação? Hoje o time SteelCarbon vai dar dicas para que você possa optar por blocos de grafites de boa procedência.

O grão de grafite, após ser compactado, gera os blocos para uso industrial. Cada um dos fabricantes adota seu próprio processo e prensas específicas para compactar o grafite, o que gera blocos com diferentes tamanho de grão de carbono. Quanto menor o grão, mais compacto e resistente é o material. É possível encontrar grafites de até 3 microns de granularidade, tamanho ideal para usinagem de alta precisão.

E o que isso significa na prática? Menor desgaste do maquinário na eletroerosão, menos retrabalho, mais produtividade e melhor acabamento das peças, que não terá rugosidades em sua superfície. Além disso, a usinagem é um trabalho de repetição e, uma vez que os procedimentos e equipamentos estão ajustados para uma matéria-prima específica, ao trocar é preciso de tempo de parada para novo setup do processo, que impactará no rendimento final da produção. Por isso, é fundamental observar as características do produto que você está adquirindo.

A forma mais simples de se certificar que o material é de boa procedência é exigir os documentos de importação, como packing list, conhecimento de embarque ou certificado de origem. Neles é possível verificar a característica do bloco e confirmar o nome do fabricante. Outra forma de garantir a qualidade do produto é utilizar um durômetro portátil para, como o próprio nome sugere, determinar a dureza superficial do material e checar se ela atende a sua necessidade.

Aqui na SteelCarbon usamos blocos importados da SGL Carbon, o principal fabricante de produtos à base de carbono do mundo, sediada na Alemanha. Somos também a única empresa do Brasil que possui o rastreamento de blocos de grafite, ou seja, temos um sistema para registro dos números de blocos que estamos importando e inserimos esta informação nas notas fiscais. É um compromisso de transparência e respeito com nossos clientes.

Tem mais alguma dúvida ou quer compartilhar aprendizados? Entre em contato conosco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *